Adoção responsável e amor pelos animais: história do gato Juquinha vira livro

O mineiro Fabiano Candido, formado em direito e assessor jurídico, mudou de vida quando adotou o gato Juquinha para fazer companhia à sua esposa, que sempre foi amante dos animais. Juquinha foi abandonado e vivia nas ruas, mas foi resgatado pelo casal. No livro “Juquinha, eterno”, o autor conta a trajetória de vida do seu amigo de quatro patas e a gratidão pela sua companhia, desde a chegada em sua casa até a sua partida.juq

Em entrevista ao Blog Autografia, Fabiano conta mais sobre a obra e sobre a história de Juquinha: “O livro é dividido desde antes de o conhecermos e é narrado em duas pessoas, por mim e por ele – na sua visão de como era dura a vida nas ruas, e após, quando nos encontrou. Os capítulos são subdivididos nos novos personagens que adentram na vida do Juquinha (outras duas gatinhas que também são adotadas e passam a fazer parte de nosso lar) e nas aventuras do Juquinha em nossa casa”.

Fabiano foi inspirado pelos ensinamentos e lições de vida que recebeu de Juquinha: “A transformação e o acreditar em uma Espiritualidade muito maior regida por Deus, a coordenar e guiar todas as provações e evolução espiritual a que estamos submetidos, me inspirou”, relata ele. O autor resolveu produzir o livro após a partida do gato: “Escrevi sozinho, com a revisão ortográfica de minha prima, Kátia Aquino Marciano, professora de Português. O escrevi semanas após o falecimento do Juquinha”, explica.

O autor conta também sobre o processo de lançamento do livro, que tem todo o lucro das vendas revertido para ajudar animais necessitados: “Sensação maravilhosa! Temos a página @juquinhaeterno que só está crescendo no Facebook e Instagram, com centenas de seguidores. As vendas estão ótimas e já vamos para a quarta reimpressão de livros, todos vendidos por mim e enviados com dedicatória e autografado pelo próprio autor. Ajudamos mais de 80 gatinhos em todo o Brasil, envio livros para todo o país”, finaliza.

Fabiano Candido estará no estande da Autografia na Bienal do Livro Rio 2019, no dia 8 de setembro, às 16h30, para uma tarde de autógrafos. O livro “Juquinha, eterno” está disponível em nossa loja online, adquira o seu exemplar clicando aqui ou em nosso estande na Bienal do Livro Rio 2019.  

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Postagens relacionadas
Autografia lança revista na Flip
Autografia na Bienal de São Paulo 2018!
João Bosco lança coletânea de escritos produzidos ao longo de 40 anos
Lançamentos da Semana
Comissária de bordo conta trajetória na profissão em autobiografia