Advogada lança obra para auxiliar servidores públicos em credenciamento

A servidora pública e advogada Simone Amorim lança “Inexigibilidade para o credenciamento de serviços: uma inexigibilidade atípica”, obra que tem o objetivo de auxiliar os profissionais que trabalham com contratações públicas na elaboração dos editais de inexigibilidade com foco em credenciamento. Simone, pós-graduada em Auditoria e Controladoria e instrutora de órgãos públicos no tema licitações, traz um manual prático e acessível para os operadores de licitações. 

Em entrevista ao Blog Autografia, a Bacharel em Administração de Empresas conta mais sobre a sua trajetória e sobre o tema da obra: “Quando entrei na Faculdade de Direito eu trabalhava no Tribunal de Contas do Estado, então dei um enfoque especial para o tema licitações e fui me especializando ao longo do caminho. Com esta bagagem, resolvi escrever sobre os temas cotidianos das contratações públicas e percebi que não temos literatura específica sobre Credenciamento de Serviços, então decidi falar sobre esse complexo assunto em forma de manual, diretamente para a aplicação na prática”.

“A maioria dos municípios hoje usa o credenciamento de profissionais da saúde, minha ideia é abordar todas as fases até a instrução do processo, e também mostrar para os gestores que temos outras possibilidades, que não precisamos credenciar somente médicos, temos muitos outros objetos que podem ser resolvidos pelo credenciamento, onde a licitação não ocorre porque a competição é inviável, ou seja, porque todos aqueles que forem habilitados a se credenciarem poderão atender o órgão pela divisão do objeto”, explica ela.

A autora compartilha ainda como surgiu a ideia de publicar “Inexigibilidade para o credenciamento de serviços: uma inexigibilidade atípica”: “Minha inspiração foi a falta de literatura no mercado sobre credenciamento de bens e serviços, o desafio de falar de um tema tão pouco abordado. O processo de escrita se deu a partir de estudos junto com o grupo técnico, que eu integrava à época, para regulamentar a matéria no âmbito do Tribunal de Contas. Foi quando me apaixonei pelo tema”.

Simone conta também sobre a sensação de estar publicando o livro por uma editora, o seu terceiro com a Autografia: “Estou muito satisfeita e minha expectativa é tornar meu manual um material consultivo para a formalização de processos na prática. Não escrevi para fundamentar parecer, deixo isso para os meus colegas altamente tecnicistas que tratam o credenciamento em um tópico de suas obras, eu quero auxiliar os operadores de licitações, àqueles que sofrem na prática por ausência de referências detalhadas”, O livro “Inexigibilidade para o credenciamento de serviços: uma inexigibilidade atípica” estará à venda em nossa loja online.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Postagens relacionadas
Jovem publica diário que relata sua experiência no ‘segundo armário’ ao descobrir ser soropositivo
Vimatte lança autobiografia sobre superação de doença através da fé
Alexandre Azevedo lança coletânea de poemas reflexivos sobre a sociedade
Músico lança obra com as etapas para a improvisação no jazz
Autora lança romance sobre bailarina com Leucemia Mieloide Crônica