lancamentos-770x248

Lançamentos da Semana

Semanalmente, a Autografia lança novos títulos, que ficam disponíveis na loja da editora, entre outros canais de venda. Alguns desses lançamentos contam com eventos com a presença dos autores. Confira aqui as novidades desta semana e suas sinopses:  

Disque-denúncia : a arma do cidadãoDisque-denúncia: a arma do cidadão – Luciane Patrício 

“Enfim, Disque-Denúncia: a arma do cidadão vira livro. Uma obra que atrairá os interessados nas questões da segurança pública no Rio de Janeiro e encantará aqueles que apreciam a arte de uma escritura fácil, simples e direta. Um trabalho singelo que convida os leitores e as leitoras a serem parceiros de uma viagem etnográfica experimentando, por meio das palavras descritivas e analíticas de uma autora generosa com seus interlocutores, a experiência antropológica de conhecer e ficar sabendo, por dentro, do sensível e do ordinário, e por isso mesmo, do complexo mundo do DD”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Eu e os meus animais de estimação – Ester Piro da Cunha Eu e os meus animais de estimação

“O livro é sobre a história de vida da autora, do trabalho, casamento, como se tornou professora de pessoas conhecidas como Xuxa e Emilio Santiago; como conheceu Ayrton Senna e também de pessoas anônimas, desconhecidas, que não sabiam ler e escrever, mas para os quais se propôs a ensinar como voluntária. E, o mais importante de tudo: sua cumplicidade e dedicação aos animais. Assim, tenho orgulho de participar dessa história e espero que esse livro chegue às mãos de diversas pessoas para que elas possam se emocionar e aumentar o amor pelos animais” – Ritielly Barbosa Nogueira, Médico Veterinário, Especialização em Clínica e Cirurgia, Veterinária. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Sujeitos estranhosSujeitos estranhos – Marcelo Larroyed

“Este é um livro em processo, não porque esteja inacabado, mas porque fala do assombro de nossos dias – que não se esgota com um ponto final. Primeira incursão do autor pela ficção, os contos reunidos aqui ensaiam diferentes abordagens da realidade, passando do fantástico ao maravilhoso, aproveitando possibilidades do realismo e recursos da mais corriqueira crônica, incluindo ainda as bonitas ilustrações de Clarice Gonçalves”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui ou na Casa Autografia na FLIP.

Há mais perigo em teu olhar do que em vinte espadas – Lara Larroyed Há mais perigo em teu olhar do que em vinte espadas

“Num tempo em que a poesia e a arte em geral vêm sofrendo a tentativa de desconstrução por quem abomina a liberdade do ser e de ser humano, eis que surgem, aqui e ali, novas insubordinações e confrontações para comprovar que ainda há espaço para o sensível, o ver-se em si, no outro e ao outro. Que cada palavra poética deste livro envelope uma brutalidade”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui ou na Casa Autografia na FLIP.  

Lidando com Personas: vol.1Lidando com Personas: vol.1 – Daniel Gomes

“Este livro trata de forma objetiva, questões que influenciam o sucesso ou insucesso dos projetos tendo como a causa para isso a gestão de todas as partes envolvidas como o time principal do projeto, as interações com terceiros e demais influenciadores diretos ou indiretos”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Sobre Culpados e Inocentes – Glaucia Maria Pontes Mouzinho Sobre culpados e inocentes : o processo de criminação e incriminação pelo Ministério Público Federal brasileiro

Sobre culpados e inocentes: o processo de criminação e incriminação pelo Ministério Público Federal Brasileiro, da antropóloga Glaucia Mouzinho, apresenta uma etnografia dos processos de investigação, acusação e denúncia em casos de “corrupção” por parte do Ministério Público Federal. Finalizada em 2007, hoje parece ter sido premonitória dos processos sociais, políticos e jurídicos desencadeados em torno da chamada luta contra a corrupção”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Uma Loucura - Saúde, ciência, cultura e arte em Instituição de Tratamento MentalUma Loucura – Dulce de Barros Gaspar e Maylta Brandão dos Anjos 

“Este livro apresenta um estudo cujas temáticas saúde, ciência, cultura e arte se unem em experimentos artísticos, científicos e culturais como promotores da saúde mental. O cenário consiste no Instituto Municipal de Saúde Mental Nise da Silveira, Engenho de Dentro, Rio de Janeiro. Analisa-se como a arte pode amenizar os efeitos das doenças emocionais”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Ainda teremos Dublin? – Deley de Acari Ainda teremos Dublin?

“Deley de Acari faz neste livro uma antropologia da dor e da luta ao destacar trajetórias anônimas de moradores e moradoras da Favela de Acari, localizada na Zona Norte do Rio de Janeiro. Assim, combina de modo único em seus relatos e poesias – sua produção é ampla – e aqui temos apenas uma pequena, mas expressiva parte dela – a trajetória de personalidades públicas como a própria vereadora Marielle Franco, brutalmente assassinada em março de 2018, e mulheres negras perseguidas, assediadas e caladas em favelas no Brasil, com destaque para aquela na qual viveu a maior parte de sua vida”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui ou na Casa Autografia na FLIP.

Luiz Antônio Marcuschi e sua contribuição aos estudos de linguística e de letrasLuiz Antônio Marcuschi e sua contribuição aos estudos de linguística e de letras – José Pereira da Silva 

“Este livro reúne textos apresentados no XXI Congresso Nacional de Linguística e Filologia, realizado em 1917, na Universidade Veiga de Almeida (Rio de Janeiro), em homenagem ao linguista Luiz Antônio Marcuschi, falecido no ano anterior, depois de longos anos de excelentes serviços à Universidade Federal de Pernambuco e à causa acadêmica das ciências da linguagem”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Cérebro: do divã ao laboratório – Roberto Lobo CÉREBRO do divã ao laboratório

“Um grande interesse sobre o funcionamento do cérebro tem invadido o meio acadêmico, sobretudo após desconcertantes descobertas proporcionadas pelos exames de imagens. O cérebro passa então de ilustre desconhecido e pouco compreendido a objeto de estudo com técnicas mais objetivas e esclarecedoras. De um “cliente” obscuro desafiadoramente recostado em um divã a um órgão intimamente exposto numa mesa de laboratório”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Hino da tormentaHino da Tormenta – Davi Jardim

“A poesia traz a tona o que de mais secreto, desprezível ou sublime, vai à mente do poeta. Enquanto, calado, ele passeia na multidão sem rosto, em casa, faz chover suas inquietações sobre o papel. É o poema produto excelsior de máxima comunhão com seu eu. É raio que cai em todo seu terrível esplendor. Poesia é fazer fogo sem fósforo e combustível. É falar com anjos”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Avante, guerreiras! Lutem por si mesmas! – Lêda Santana Avante, guerreiras! Lutem por si mesmas!

“Esse livro lança uma palavra de ordem para as mulheres em tempos de caos moral, social e espiritual, e em meio a uma geração de pessoas fracas: cuidar de si, crescer e melhorar a cada dia. Descobrir a força de Deus nos momentos de dor, tristeza e desilusão é um bálsamo para as nossas almas, e a superação tem poder motivador e revigorador. Estar de pé, apesar da tempestade, só se alcança por meio de luta constante. A personagem bíblica que ilustra a mulher guerreira determinada é a cananeia citada nos Evangelhos, uma inspiração magnífica, pois ela travou uma luta com Jesus pelo bem de sua filha”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Águas que passamÁguas que passam – Nilva Dematé Zolandek 

“Águas que passam é uma narrativa bastante psicológica, ora literária, ora filosófica; que se passa no Oeste Paranaense e que tem como cenário uma casa simples à beira de um rio. Narrada em primeira pessoa a menina de 10 a 11 anos, vai contando uma história dentro da outra… Muitos personagens rústicos e realistas trazem à tona a questão do preconceito, da vida sem recursos dos idos de 70 e da alegria pura e genuína de vizinhos agricultores e da solidariedade entre aquela gente sem posses. Num enredo que explora o fluxo de consciência dos personagens a menina vai desfiando pensamentos”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

O Herdeiro do Rei – Leandro VSilva O herdeiro do Rei

“O ano é 2023 e Lando mora desde que nasceu na casa onde trabalham seu avô e seus pais, a mansão da família Rikarggan. Já no final da adolescência e também servindo à família, Lando está passando por indecisões e conflitos entre manter a tradição familiar, continuando sendo empregado da casa ou estudar para o que gosta e ir viver sua própria história. Mas continuar na casa está ficando cada dia mais difícil e sua relação com os dois filhos dos patrões não poderia ser mais complexa: está apaixonado por Abigail, de quem está proibido de se aproximar e é odiado por Max, que faz de tudo para que Lando e sua família sejam expulsos”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Quem é o Papai do Céu?Quem é o Papai do Céu? – Natália Batista Dias

“Quem é o Papai do Céu para você? Qual a importância de um Ser Supremo na sua vida? O livro é todo feito em versinhos, com linguagem carinhosa, lúdica, que incentiva a imaginação da criança. São apresentadas comparações de seres, situações e coisas relacionadas à visão, à audição e ao olfato. Porém, o livro destaca que o Papai do Céu faz milagres e que mesmo as pessoas que não possuem alguns desses sentidos conseguem sentir o Papai do Céu no seu coração. O livro tem um viés cristão, mas sem uma religião definida”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

O Menino da Torre – Guiga Francisco O menino da torre

“O livro O Menino da Torre apresenta uma história poética e delicada. Mostra-nos a força do tempo sobre nossos corpos e revela o poder da imaginação. O Menino poeta somos todos nós, que vivemos na superação dos nossos limites, que ousamos sonhar para além das torres, prisões e ilhas. Guiga Francisco, neste seu primeiro livro, trilha o caminho que lhe é destinado: narrar a vida, trazer ao mundo sentimentos e libertar sonhos”- Silvano Suzart.  Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

DoraliceDoralice – Jogon Santos

“Nessa obra a história de uma mulher linda, incomum, guerreira e bondosa como poucas, o autor mostra como o medo pode influenciar a formação de uma criança e suas futuras ações e reações na vida adulta. Muitas vezes o mais sublime e importante entre os sentimentos que nos são comuns, o amor, pode não conseguir se manifestar em sua plenitude, bloqueado em nossa mente por experiências desagradáveis, vistas ou vivenciadas durante a infância”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

Emoções Maçônicas – Eduardo Branquinho Emoções maçônicas

“Este livro é um trabalho feito com o objetivo de servir aos maçons como matéria para os tempos de estudos e para as reflexões. As reflexões, ou melhor, os textos aqui colocados são frutos da prática constante das lições filosóficas maçônicas vivenciadas em loja e fora dela. Desta obra poderá restar uma transformação do leitor pelo conhecimento de teorias, cuja interpretação do autor, remete aos princípios maçônicos mais conhecidos e praticados dentro da maçonaria simbólica do grau de aprendiz, do R.E.A.A. Traz-se textos ilustrativos, copiados de outros autores para amparar as ideias que o autor passa ao leitor”. Saiba mais sobre o livro e adquira seu exemplar clicando aqui.

CTA_Tudo-(tudo-mesmo)-que-vocà-precisa-saber-para-lanáar-um-livro-02
CTA-2
2
Mockup-Horizontal (42)
Mockup Horizontal (51)
Postagens relacionadas
BANNER-CARSON
Estudante de letras lança coletânea de crônicas humorísticas
banner-EUE-01
Ester da Cunha conta história de amor por animais de estimação em novo livro
2
Livro sobre a primeira discoteca do Brasil ganha crítica no jornal O Globo
lancamentos-770x248
Lançamentos da Semana
banner-cardoso-01
Cineasta lança história leve e despretensiosa sobre a solidão