Dificuldades no acesso às políticas públicas pela população LGBTQIA+ vira livro

O assistente social Gleydson Paiva, especialista em gênero e sexualidade, lança o livro “Políticas Descoloridas”. Na obra, o autor traz perspectivas sobre as dificuldades passadas pela população LGBTQIA+ no acesso às políticas públicas. O autor, que também é professor, traz à tona pertinentes análises que explicitam como os governos podem violar direitos, principalmente frente às diversidades.  

Em entrevista ao Blog Autografia, Gleydson conta mais sobre sua trajetória e sobre o tema do livro: “Nasci e cresci em Volta Redonda-RJ. Toda minha trajetória de infância e adolescência perpassou pelo ideário de ‘ser gay é errado’. Aos 16 anos, comecei a cogitar a possibilidade de ser homossexual e, resolvi me relacionar. Após tentativas de ‘cura’ da família, inclusive com intervenções religiosas, consegui me aceitar, assumir e viver plenamente minha sexualidade. Ingressei no serviço público em 2015, concursado, onde pude iniciar minha jornada profissional como Assistente Social. Hoje atuo em duas unidades de Assistência Social, além de me manter na pesquisa”.

“A obra é dividida em oito capítulos e tem por objetivo transitar pelas variadas políticas públicas para abordar sobre acesso e utilização dos serviços. Inicia-se com uma contextualização contemporânea, elencando as diversidades e atribuindo conceitos. Perpassa pela política de saúde, como primeira política que o sujeito acessa, e atravessa as infâncias e juventudes, a Assistência Social, a Educação, a laicidade vs. religiosidade e, ainda, contempla um capítulo acerca do Projeto Ético-Político Profissional do Serviço Social, visando oportunizar perspectivas próprias desta identidade profissional. O livro se encerra com novas perspectivas e horizontes de luta e movimento social”, completa.

A inspiração para o autor produzir o livro veio do incentivo constante de sua mãe: “Em um diálogo, identificamos que eu poderia ter conteúdo em diversos aspectos e, por gostar de ser professor, isso poderia ser multiplicado”, relata. Gleydson conta ainda sobre o processo de produção da obra, que começou sozinho, ao se afastar do trabalho por um problema de saúde: “Costumo dizer que aprendi a tirar força do próprio adoecimento para me reconstruir. Busquei na internet muitas fontes para entender sobre diagramação e cheguei até a fazer esboço de capa, foi então que resolvi buscar assessoria editorial para a produção”.

Para Gleydson, publicar a obra traz uma sensação inexplicável e surpreendente: “Cheguei a pensar que poderia ser uma péssima ideia. Mas acredito que, em muitas ocasiões, é necessário mergulhar de cabeça. Além do mais, é muito egoísmo guardar o conhecimento, sendo que poderia publicizar e, assim, democratizar o acesso, reverberando em uma práxis transformadora de realidade por um mundo mais justo e sem discriminação. As Políticas Públicas precisam ser vistas por profissionais e usuários como estratégia de garantia de direitos e, consequentemente, precisa de conscientização”, finaliza. O livro “Políticas Descoloridas” está à venda em nossa loja online, adquira o seu exemplar clicando aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.